Reduzindo o consumo de água nas empresas – Parte 2

 

Como as perspectivas quanto à disponibilidade de água no planeta não são das melhores, as gerações atuais precisam, desde já, modificar hábitos, de modo que esse importante elemento da natureza esteja disponível para as gerações futuras. Além disso, a tendência é que os gastos com água e eletricidade sejam cada vez maiores tanto nas residências das pessoas quanto nas empresas. Por conta disso, os ambientes corporativos também precisam se adaptar a essa nova realidade e implementar medidas de uso consciente da água.

Em nosso último artigo, conhecemos algumas dessas estratégias, como os redutores de torneiras, hidrômetros individualizados e a inspeção de vazamentos. Neste artigo, confira mais alguns mecanismos para promover o uso sustentável da água nas empresas:

Reuso de água

Uma estratégia interessante para economizar água é reutilizá-la sempre que for possível. Por meio de canaletas que captam a água utilizada e permitem que ela seja tratada com os aditivos químicos adequados, as empresas podem reutilizá-la para diversas finalidades. Esse tipo de sistema é aplicável a empresas de qualquer ramo ou porte, e o montante investido pode ser recuperado em aproximadamente um ano. A economia gerada é bastante compensadora.

Água da chuva

Em complemento ao item anterior, a captação da água da chuva também é uma estratégia de economia bastante benéfica. Calhas nos telhados captam a água das chuvas, que pode ser conduzida para tanques de tratamento. Depois, essa mesma água pode ser empregada em atividades como limpeza, rega de plantas ou descargas. Água de piscinas e até mesmo das gotas que caem dos aparelhos de ar-condicionado podem ser reutilizadas em mecanismos semelhantes.

Lavagem consciente

A utilização da mangueira em apenas meia hora pode gastar até 500 litros de água. Por conta disso, os baldes e panos umedecidos são mais indicados para a limpeza de pátios, garagens e carros da empresa. Há produtos disponíveis no mercado que permitem que uma área de 100 metros quadrados possa ser higienizada com apenas um balde de água. Para os carros, especificamente, também há produtos químicos que permitem uma lavagem a seco.

Comunicação interna

Por fim, mas não menos importante, não se pode esquecer que todas as medidas implementadas não serão eficazes se os funcionários e demais colaboradores da empresa não fizerem sua parte e continuarem com hábitos de desperdício.

Por isso, a dica é investir na comunicação, com campanhas que conscientizem cada um acerca da importância de medidas simples, como manter a torneira fechada enquanto escova os dentes, por exemplo. É preciso ressaltar o quanto esses hábitos são nocivos, quanta água é desperdiçada e quanto pode ser economizado com hábitos mais sustentáveis. Essa conscientização pode ser feita por meio de reuniões, e-mails, distribuição de cartilhas, entre outros.

A propagação desse tipo de conteúdo, além de trazer benefícios para as empresas, pode ser útil também nas próprias residências dos funcionários.

By | 2018-12-11T15:32:12-02:00 dezembro 11th, 2018|Economia de Água para Condomínios Empresariais|